terça-feira , 11 dezembro 2018
Home / Cidades / Polícia / Foragido da Justiça por estupro de criança é preso acusado de fazer nova vítima
Anuncie Aqui!

Foragido da Justiça por estupro de criança é preso acusado de fazer nova vítima

Cristivaldo disse que não consegue conter os impulsos sexuais ao chegar perto de criança (Foto: Mário Souza/DM)

 

Manaus/AM – O foragido da Justiça por estupro há quatro anos, Cristivaldo Alves Tavares, de 39 anos, foi preso ao fazer nova vítima em agosto deste ano, no bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus. Ele já teria abusado sexualmente de outra criança, de nove anos.

Cristivaldo estava sendo investigado e foi localizado na tarde de sábado (15), por volta das 17h, vendendo chip para celular em uma feira, na Avenida Autaz Mirim, bairro Tancredo Neves. Ele foi preso em cumprimento ao mandado de estupro de vulnerável expedido no dia 15 de setembro deste ano, pela juíza Careen Aguiar Fernandes, do Plantão Criminal.

De acordo com o delegado Christiano Castilho, titular do 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP), o crime de estupro foi denunciado no dia 23 de agosto. A mãe da menina, uma mulher de 24 anos, procurou à delegacia para informar que o vizinho dela havia abusado sexualmente da filha e ameaçado agredir a criança caso contasse. Em depoimento, ela disse que a filha apresentou mudanças no comportamento.

“A mãe relatou que a filha estava brincando no quintal de casa com outra criança, quando Cristivaldo chegou e levou a menina para outra parte mais reservada da área. No lugar, ele abaixou a calça e pediu para a criança pegar e colocar a boca no órgão genital dele. Depois de obedecer à menina começou a chorar”, explicou o delegado Christiano Castilho.

Em depoimento, Cristivaldo confessou o crime de estupro e argumentou que não consegue segurar os impulsos sexuais ao se aproximar de crianças. Ele já responde a um processo por estupro de vulnerável e estava foragido do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) desde 2014, onde cumpria pena em regime semiaberto.

A delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), alertou para que os pais e responsáveis fiquem atentos com pessoas que se aproximam das crianças, já que os agressores possuem o mesmo perfil.

“Normalmente os agressores apresentam o mesmo perfil. Eles ganham a confiança da família e da criança com perfil sedutor, do tio bonzinho e do vizinho camarada para cometer os abusos sexuais. A mudança de comportamento da criança ajuda a identificar que algo está errado, haja a vista que após os atos libidinosos a criança fica mais incomodada com a presença do agressor”, explicou a delegada Joyce Coelho.

Cristivaldo foi indiciado por estupro de vulnerável qualificado. Após os trâmites cartorários na Depca, ele será conduzido para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde aguardará preso a continuação do processo da Justiça.

Comentários no Facebook

Veja Também

Reviravolta: polícia identifica homem que matou estudante no Ouro Verde, em Manaus

  Manaus/AM – A Polícia Civil já identificou o autor do assassinato da estudante Luana ...

Website Design Company in BangladeshHigh Risk Solutions Merchant Account Services