sexta-feira , 25 Maio 2018
Home / Sobrinho do narcotraficante ‘João Branco’ é executado a tiros no bairro Cidade de Deus
Anuncie Aqui!

Sobrinho do narcotraficante ‘João Branco’ é executado a tiros no bairro Cidade de Deus

‘Nenê é sobrinho do narcotraficante ‘João Branco’ (Foto: Divulgação)

Francisco Adelandio Marques Carioca, conhecido como ‘Nenê’, 34, foi executado a tiros, na tarde desta segunda-feira (12), dentro de um salão de beleza, na Rua Ouro, na Comunidade Braga Mendes, no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus. De acordo com a polícia, ‘Nenê’ é sobrinho do narcotraficante e líder da facção criminosa Família do Norte (FDN), João Pinto Carioca, o ‘João Branco’, que está preso em um presídio federal.

‘Nenê’ foi executado com quatro tiros, dentro de um salão de beleza (Foto: Divulgação)

De acordo com uma equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o crime ocorreu por volta das 16h. Dois homens armados, ainda não identificados, chegaram ao local em uma motocicleta, de características não reconhecidas, invadiram o salão e efetuaram quatro disparos à queima-roupa contra a cabeça de ‘Nenê, que morreu na hora.

Durante os trabalhos da polícia, várias equipes de reportagens foram hostilizadas e impedidas pelos familiares da vítima. Por conta das ameaças, os jornalistas não puderam apurar o caso na cena do crime. Os profissionais da imprensa deixaram o local escoltados pela polícia.

Para a polícia, o crime pode ter sido motivado a uma retaliação da facção rival Primeiro Comando da Capital (PCC). Informações levantadas pela polícia apontam que além de ‘Nenê’, outros parentes do narcotraficante de ‘João Branco’, possuem envolvimento com o tráfico de drogas e participações em execuções na capital e no interior.

‘Nenê’ era natural do município de Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus), mesma cidade natal de ‘João Branco’. O corpo de ‘Nenê’ foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte. O caso será investigado pela DEHS.

‘João Branco’

O narcotraficante ‘João Branco’, segue preso em um presídio federal no município de Catanduvas (a 391.5 quilômetros de Curitiba, no estado Paraná). O líder da FDN, ‘João Branco’ foi preso no dia 25 de fevereiro de 2016, na cidade de Pacaraima (a 115.7 quilômetros de Boa Vista, no estado de Roraima), quando tentava sair do território venezuelano e entrar no Brasil usando documentos falsos. Na época, outros três homens da facção criminosa foram presos, sendo um deles conhecido como ‘Max’, 33, executado com 15 tiros, em janeiro deste ano.

Comentários no Facebook

Veja Também

Petrobras vai reduzir preço do diesel nas refinarias por 15 dias

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, anunciou na noite desta quarta-feira (23) uma redução de ...

High Risk Merchant Account