terça-feira , 19 fevereiro 2019
Home / Cidades / Defesa Civil do Amazonas realiza monitoramento em todas as calhas do Amazonas
Anuncie Aqui!

Defesa Civil do Amazonas realiza monitoramento em todas as calhas do Amazonas

Os municípios devem manter atualizados seus cadastros e o mapeamento de áreas de risco que podem ser afetadas pelo desastre (Foto: Divulgação/Defesa Civil-AM)

 

Manaus/AM – A Defesa Civil do Estado do Amazonas integra o Sistema Nacional de Proteção à Defesa Civil e realiza as ações de monitoramento por meio do Centro de Monitoramento e Alerta (Cemoa), que acompanha a subida diária dos rios da região e fronteiriços que influenciam diretamente na Bacia Amazônica.

De acordo com órgão, esse monitoramento hidrológico é realizado através de 23 estações automáticas e liminimétricas, estrategicamente localizadas em cada calha, que compõem a rede de monitoramento da Agência Nacional de Água (ANA) e do CPRM Serviço Geológico do Brasil. A integração com os municípios é realizada através de seus agentes de Defesa Civil que são capacitados para atender de forma rápida ao desastre.

Atualmente, todas as calhas que formam a Bacia Amazônica (Juruá, Purus, Alto Solimões, Médio Solimões, Rio Negro, e Baixo Amazonas) encontram-se em processo natural de enchente, que é um evento cíclico (que se repete em determinados períodos do ano) e sazonal (próprio de uma estação), com níveis elevados para o período.

Em Tabatinga (Alto Solimões), a maior enchente registrada deu-se no dia 28 de maio de 1999, atingindo 13,82 m. Hoje (13), o nível registrado foi 9,99 m, faltando 3,83 m para atingir a cota máxima. Em Lábrea (Purus), onde a maior enchente foi registrada no dia 13 de abril de 1997, atingindo a máxima de 21,79m. Hoje, o nível registrado foi de 18,72m, faltando 3,07 m para atingir a cota máxima. Em Fonte Boa, os níveis atuais são os maiores observados para os meses de janeiro da série histórica.

O secretário executivo da Defesa Civil do Estado, tenente-coronel Francisco Máximo, explica que, de forma preventiva, os municípios devem manter atualizados seus cadastros de (pessoas, famílias e comunidades) e o mapeamento de áreas de risco que podem ser afetadas pelo desastre, uma vez que não necessita atingir a cota histórica para que comunidades comecem a ser afetadas.

Ele explica que é de suma importância colocar em prática as diretrizes contidas no Plano de Contingência, que é o documento onde se registra o planejamento elaborado previamente a partir de estudos de um ou mais cenários de risco de desastre e estabelece os procedimentos para ações de resposta, de forma a atender o que determina a Política Nacional de Proteção e Defesa Civil.

Ele explica que o Estado de Atenção é o estágio inicial para que os coordenadores municipais de defesa civil possam se planejar, articular e mobilizar, para atender de forma rápida a população que se encontra vulnerável a uma ameaça causada por um eventual desastre. No Estado de Alerta, o município inicia a primeira resposta às populações afetadas, conforme avaliação do estágio de evolução do evento extremo, danos e prejuízos, podendo ou não decretar situação de emergência.

Capacitação no interior

A Defesa Civil do Amazonas auxilia e orienta os municípios a atuarem preventivamente na possibilidade de ocorrências de eventos extremos. Umas dessas ações executadas pelo órgão foi a capacitação de gestores de 41 municípios, no final de 2018. A capacitação integrou o plano de ações de prevenção e de resposta e elaboração do Plano de Contingência e plano detalhado de resposta.

“Quando a capacidade de atendimento do município se esgota, a Defesa Civil do Estado promove as articulações necessárias para apoiar as necessidades essenciais decorrentes dos danos provenientes do desastre, coordena as ações de preparação, mitigação e de resposta para superar os danos”, informou Francisco Máximo.

*Com informações da assessoria

Comentários no Facebook

Veja Também

Divulgada as datas das bandas e blocos de rua

Antecipando a folia momesca, que este ano será em março, já em fevereiro, tradicionais bandas ...

Website Design Company in BangladeshHigh Risk Solutions Merchant Account Services