terça-feira , 19 fevereiro 2019
Home / Cidades / Polícia / Foragido do sistema prisional é executado a tiros na casa da mãe, no Coroado 2
Anuncie Aqui!

Foragido do sistema prisional é executado a tiros na casa da mãe, no Coroado 2

Homicídio aconteceu no bairro do Coroado, Zona Leste de Manaus (Foto: Lucas Pereira/DM)

 

Marcos José Souza da Silva, de 42 anos, que estava sendo procurado pela Justiça, após fugir do Centro de Detenção Provisória Masculino 2 (CDPM 2), foi morto a tiros dentro de casa na noite desta terça-feira (31) no bairro Corado 2, na Zona Leste de Manaus. Relatos dão conta de que três homens teriam cometido o crime após Marcos tentar se esconder dentro do imóvel da mãe.

De acordo com a polícia, Marcos foi visitar a mãe e, no momento em que caminhava pela Rua Dom Bosco, por volta das 20h, passou a ser perseguido por três homens desconhecidos, que estavam em um carro, de características não identificadas. Durante a tentativa de fuga, Marcos entrou na casa da mãe e foi até o quarto, mas o local foi invadido pelo trio armado.

Após o crime, os três homens fugiram sem serem identificados. Policiais militares da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados e realizaram buscas pela área, mas os criminosos não foram localizados.

 

Marcos foi executado com sete tiros, que atingiram tórax e estômago (Foto: Divulgação)

 

Marcos não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Ele era um dos 35 foragidos do Compaj, que conseguiram fugir por meio de um túnel no dia 12 de maio deste, que foi construído no pavilhão 5 da unidade prisional.

Ele era considerado aliado do traficante Kaio Wuellington Cardoso dos Santos, conhecido como “Mano Kaio”, que integra a facção criminosa Comando Vermelho (CV) e também é um dos detentos foragidos. O traficante é apontado pela polícia como um dos responsáveis pelos diversos assassinatos ocorridos na capital.

As informações dão conta que Marcos passou a ser membro do CV, o que foi visto como uma traição pela cúpula da Família do Norte (FDN). Desde então, Marcos estava marcado para morrer. Familiares preferiram não comentar sobre o crime.

A perícia criminal do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) confirmou que Marcos foi morto com sete tiros de pistola calibre 380 milímetros. Os tiros atingiram tórax e estômago.

O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Comentários no Facebook

Veja Também

Mulher morre após ser esfaqueada em ponto de mototáxi, na Zona Leste de Manaus

Um homem saiu de um carro e desferiu a facada contra a vítima que dormia ...

Website Design Company in BangladeshHigh Risk Solutions Merchant Account Services