terça-feira , 23 abril 2019
Home / Política / Renan Calheiros chamou Tasso para ‘porrada’, relata Randolfe
Anuncie Aqui!

Renan Calheiros chamou Tasso para ‘porrada’, relata Randolfe

Sessão de eleição do presidente do Senado foi tumultuada na noite desta sexta-feira (1º).

Confusão na eleição para presidência do Senado (Foto: Divulgação/Senado)

Um dos momentos mais tensos na tumultuada sessão de eleição do presidente do Senado desta sexta-feira (1º), foi uma agressão verbal do senador Renan Calheiros (MDB-AL) ao senador Tasso Jereissati (PSDB-CE).

O senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP), um dos que apartaram o bate boca, relatou que Renan passou por Tasso no corredor do plenário e disparou: “O responsável por isso é você, coronel, cangaceiro”. Em seguida, segundo Randolfe, o diálogo ficou ainda mais agressivo. Tasso, que estava sentado, rebateu: “Você vai para a cadeia”. Ao que Renan emendou: “Seu merda, venha para a porrada”.

Em discurso ao plenário, Davi Alcolumbre (DEM-AP), aliado de Randolfe, disse que Tasso lhe deus muitos conselhos e agradeceu ao senador tucano. Mais cedo, o tucano abriu mão de ser candidato para fortalecer a articulação em torno de Alcolumbre.

Randolfe disse, porém, que o pior momento da sessão foi quando a senadora Kátia Abreu (PDT-TO), partidária de Renan, tomou para si o controle sobre a pasta com documentos que ditariam as regras da eleição e não devolveu. “Triste, um feito deprimente para o Senado da República ter um documento da Mesa furtado. É o fundo do poço”, afirmou Randolfe. “Renan perdeu a maioria na Casa. Uma minoria resistente não aceitou que o Brasil mudou e que tem uma nova maioria nesse Senado, e continua querendo impor sua vontade.”

Segundo o senador, que participa da tratativa para um acordo, os aliados de Alcolumbre ofereceram aceitar que o voto fosse secreto, depositado numa urna, mas que em seguida os parlamentares declarassem ou não o voto, voluntariamente. Renan afirmou há pouco que não faz acordo contra o que está previsto na Constituição e no Regimento Interno do Senado – a regra diz que a votação é secreta.

Fonte: Estadão Conteúdo

Comentários no Facebook

Veja Também

Ministro da Cidadania confirma 13º salário do Bolsa Família

Uma parte dos recursos virá do Orçamento Geral da União. ministro da Cidadania, Osmar Terra ...

Website Design Company in BangladeshHigh Risk Solutions Merchant Account Services